Região dos Lagos

 

REGIÃO DOS LAGOS QUER MAIS QUALIDADE NO PLAMES

eduardo_webA primeira coisa que José Geraldo F. de Abreu disse quando perguntado sobre o que os associados da Região dos Lagos necessitam foi “o Plano de Saúde precisa melhorar sua rede aqui”.

Atuante na região há tempos, este novo representante já havia feito um trabalho de credenciamento de prestadores de serviços de saúde para o PLAMES, quando a Fundação assumiu a sua administração integral. Isso trouxe as renegociações de contratos e esvaziou a rede de atendimento que José Geraldo havia captado, como o convênio com a Clinerp, um importante hospital de Cabo Frio.

“Nossa rede era maior do que a da Unimed aqui na Região dos Lagos. Essa política de convênios com a Cassi e a
Unimed pode ter sido uma solução para aquele momento, mas reduziu nossa rede. E o que queremos da APÓS-FURNAS
é que questione a Fundação quanto a isso. A Associação é quem tem a representação necessária para esse diálogo.”

José Geraldo vê dificuldades na obtenção de novos associados pela extensão da regional: são oito municípios ao longo de mais de 240km de ruas, estradas e rodovias.

“Temos 89 aposentados conhecidos na região, mas quantos mais haverá?” Para ele, essa captação também é um
importante papel da APÓS-FURNAS.